servicos

Get Adobe Flash player

Saiba como se proteger dos raios

Os raios são realmente perigosos e, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), causaram a morte de 1321 pessoas no Brasil entre os anos 2000 e 2010. O país é o campeão mundial de descargas elétricas e esse número vem aumentando com os anos, recebendo cerca de 50 milhões de raios por ano. Ouvimos muito sobre histórias de acidentes em tempestades, alguns deles fatais, para o INPE, 80% das mortes por raios no Brasil poderiam ser evitadas se a população tivesse mais informação e conhecimento sobre tal assunto.

Por isso é importante evitar algumas situações de risco, diante dessa realidade, é muito importante saber se proteger. Mas como isso pode ser feito? Os raios caem nos pontos mais altos de um determinado lugar ,em geral, os raios atingem um só ponto no solo, mas algumas vezes eles se ramificam e podem atingir vários locais.

Quando alguém é atingido por um raio, pode sofrer uma parada cardíaca e respiratória. Mesmo nesses casos, a pessoa tem chances de sobrevivência. Para tanto, ela deve receber atendimento imediato, com massagem cardíaca e respiração artificial boca a boca.

Mas qual é a ação correta diante de uma tempestade súbita? O ideal é ficar dentro de casa, afaste-se de objetos metálicos, de janelas ou portas abertas, não fale ao telefone, não tome banho, não lave as mãos e nem a louça e desligue os aparelhos elétricos se possível das tomadas. Quando isso não for possível, procurar um abrigo ou tentar permanecer no carro. No entanto, se o local for descampado, o correto é ficar agachado, de preferência calçando botas com sola de borracha.

Para evitar que um raio caia diretamente sobre você, é bom ter esses cuidados:

  • Não fique em espaços abertos como campos, praias (em qualquer lugar na areia e arredores), mar, piscina, lago, lagoa, banheira, chuveiro, botes, topo de elevações e embaixo das árvores quando os raios estiverem em ação. Estes locais são chama-raios, ou seja, se ficar neles estará pedindo com fervor para ser atingido por um.
  • Ficar perto de torres ou redes de alta tensão é igualmente perigoso, cercas metálicas, varais de roupas, carro com a porta ou a janela aberta, sobre um cavalo ou um trator, dentro de casa em frente a uma janela aberta, também têm o mesmo nível de periculosidade .
  • O lugar mais seguro é uma construção sólida protegida com SPDA.
  • Quando não for possível realizar nenhum desses procedimentos citados, ainda há uma maneira de escapar: Momentos antes de ocorrer a descarga, pessoas que estejam nessas proximidades sentem seu pêlos arrepiados ou a pele coçando, indícios da atividade elétrica. Pode-se ficar na seguinte posição: ajoelhado, curvado para frente, com as mãos colocadas nos joelhos e a cabeça entre eles. Imita-se, desse modo, uma esfera e não uma ponta, como na posição de pé. Jamais deite no chão, pois a descarga atingirá diretamente essa superfície.
  • Essas recomendações levam em consideração princípios físicos que determinam os materiais que conduzem bem a energia elétrica e também e o princípio do poder das pontas.Segundo o Inpe, é nas pontas de um corpo que a energia é descarregada. Isso ocorre porque estas são regiões muito curvas e, como a eletricidade se acumula mais nessas áreas, um corpo eletrizado dotado de pontas acumula nelas sua energia.



Ler 25638 vezes

Cadastre-se


E receba notícias e dicas sobre produtos da Montal, cads, normas e palestras.

Telefax: (31) 3476-7675 - Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Rua Castelo de Sintra, 98 - Bairro Castelo - Cep. 31.330-200 - BHte - MG